sábado, 25 de setembro de 2010

DIFERENÇAS ENTRE AS COLONIAS NAS AMÉRICAS

DIFERENÇAS ENTRE AS COLONIAS NAS AMÉRICAS


INTRODUÇÃO

Com bem sabemos, os ingleses colonizaram a América do Norte, enquanto espanhóis e portugueses dividiram o restante da América do Sul no Tratado de Tordesilhas. Hoje a América de Norte, colonizada por protestantes, sub-existe politicamente pelos países do Canadá e dos Estados Unidos. A colonização mais ao sul, de tradição católica, se fragmentou em mais de duas dezenas de países.

COLONIZAÇÃO PELA INICIATIVA PRIVADA E ESTATAL

Uma das diferenças entre os dois tipos de colonização se deu pela forma. Enquanto os ingleses por meio da concessão real designou duas empresas privadas para a tarefa de colonização, uma a Companhia de Londres e a outra a Plymonth. Os franceses colonizaram o Canadá com o esforço pessoal de Wakefied que elaborou teorias sobre a colonização e que criou a empresa North American Colonial Association of Ireland. Os portugueses e espanhóis realizavam a colonização como empreendimento estatal. No caso do Brasil, a Coroa Portuguesa estabeleceu capitanias hereditárias visando assentar colonos e impedir que as Terras fossem invadidas, estabelecendo colônias em toda a faixa litorânea

PRODUÇÃO PELO TRABALHO LIVRE E ESCRAVO
Enquanto os puritanos, grupos de protestantes perseguidos da Inglaterra se instalavam na América do Norte com ideais de liberdade, de livre comércio e de trabalho assalariado, os católicos tanto no Sul dos Estados Unidos como do restante do continente americano, exploravam a mão de obra escrava, oriunda dos negros trazido da África.

IDEOLOGIAS PROTESTANTES E CATÓLICAS
Os protestantes em sua história sempre lutaram por liberdade desde a Reforma Protestante onde buscaram liberdade de culto e por isso muitos fugiram para a América do Norte, buscando este ideal, não era de surpreender que no Novo Continente buscassem autonomia e serem senhores do seu destino.
Já na América do Sul, os portugueses e espanhóis de religião católica, vieram para cá buscar riquezas através da exploração tanto de recursos naturais como de mão-de-obra escrava. Governo e Igreja chegaram à América centro-sul buscando mais poder, diferente dos protestantes que colonizaram o norte que queria liberdade e autonomia.

MODELO ECONOMICO CAPITALISTA E OPRESSÃO ESTATAL

Enquanto os colonizadores do Norte da América desenvolviam a agricultura, a pecuária, a indústria, o comércio, os colonizadores do centro-sul implantavam monoculturas e taxações e controle estatal que emperravam o progresso.

CANADÁ

O Canadá é um capítulo a parte, porque esta região bem ao Norte da América foi colonizada pelos franceses e estes chegaram a América bem depois dos portugueses, espanhóis e ingleses. Os franceses tiveram muitos problemas internos, envolvidos em guerras interna devido o conflito religioso entre católicos e protestantes-calvinistas. Quando chegaram a América tentaram invadir o Rio de Janeiro e a Flórida em campanhas más sucedidas, restaram às regiões geladas onde hoje está o Canadá, ali foram em busca de pedras preciosas e a exploração de pele.

RESISTÊNCIA E CONFLITOS NA AMÉRICA

Durante a colonização houve resistências e os espanhóis violentamente destruíram os impérios Iscas e Astecas na América Central, para só então colonizar o Sul. Os portugueses também tiveram problemas em submeter os índios a cultura e governo da Coroa Real e os ingleses logo na primeira colônia em Virgínia estavam cercados por cerca de 30 mil índios

PRETEXTOS CATEQUISTAS

O Vaticano apoiou as campanhas colonizadoras de conquista da América sob o pretexto que as Coroas espanhola e portuguesa iriam catequizar os nativos, mas o que predominou foram os abusos, massacres, explorações e escravidão. Havia padres com cem escravos!!!

IDIOMAS

Apesar de portugueses, franceses, ingleses e espanhóis chegarem na América e encontrarem nativos em todo o território, estes não representaram grandes problemas na empreitada de colonização e vorazmente impuseram suas culturas, religiões e idiomas em todo o continente. Um dos destaques para a questão da imposição lingüística dos europeus na América é que os idiomas latinos (português, espanhol e francês) e o anglo-saxão existiam na forma escrita e não somente falada o que serviu também como alavanca para perpetuar estes idiomas. Das línguas faladas na antiga América somente resiste sofrivelmente algumas línguas em regiões isoladas e mantidas a duras penas para que não se apague este vestígio pré-colombiano.
No norte da América predomina o idioma inglês e francês e na América Centro-Sul o idioma espanhol e português.

LATIFÚNDIOS E PEQUENAS PROPRIEDADES

Enquanto na maior parte da América Centro-Sul, os portugueses e espanhóis estabeleciam produção agrícola em grandes propriedades visando à produção de bens para o mercado externo. No Norte, a colônia inglesa povoava o interior visando o mercado interno.

CONCLUSÃO:

Várias motivações estavam embutidas na conquista da América, razões religiosas, econômicas e políticas, se por um lado a Igreja Católica queria expandir o número de fiéis, os protestantes buscavam liberdade. Os reinos europeus entraram na competição de conquistas ultramarinas para garantir novos mercados e não ficarem para trás. Muita gente veio para a América devido à pobreza em que viviam na Europa, outros queriam as riquezas da América. Chegamos no século XXI com diferenças sociais abismais que tiveram raízes no período da colonização. Ao longo da história das Américas, os Norte-Americanos sempre foram capitalistas e a América Latina se perdeu em ideologias retrógadas marxistas e revoluções alucinógenas que travou o desenvolvimento de vários países no Centro-Sul.

REFERÊNCIAS:

http://www.historianet.com.br/ acesso 25/09/2010
http://www.portalsaofrancisco.com.br acesso em 25/09/2010

http://www.biographi.ca acesso 25/09/2010

http://www.claseshistoria.com, acesso 25/09/2010
www.digitalhistory.uh.edu, acesso 25/09/2010
http://www.brasilescola.com, acesso, 25/09/2010
http://br.answers.yahoo.com, acesso 25/09/2010

2 comentários:

  1. isso aqui e uma bosta vao toma no cu

    ResponderExcluir
  2. e bem legal eu li tudo e achei que ficou mais ou menos






    ResponderExcluir